#05 Motivos para aprender a programar

Já pensou em aprender a programar? Não? Ok, provavelmente você sabe ou já viu como funciona o desenvolvimento de algum sistema, website ou aplicativo. Sim, são aqueles códigos malucos, escritos por pessoas geralmente mais malucas ainda… Ok, nem sempre os programadores são doidos… em geral são pessoas normais e boa gente ? Aprendi na Índia que generalizar nunca é interessante, existem pessoas que não programam uma linha de código que são bem mais doidas rsrs. Além disso, ao chamar um programador de maluco estou jogando contra o meu time também pois comecei minha carreira como desenvolvedor!

 

Deixando de papo furado

 

Aprender a programar vai te ajudar muito em qualquer atividade da vida.  Eu vou listar os #5 motivos que acredito serem os mais impactantes para os que aprendem e desenvolvem essa habilidade.

 

#01 Desenvolvimento de raciocínio, criatividade e outras habilidades

Todos os problemas que precisam ser solucionados computacionalmente exigem concentração e foco do programador. Criar um algoritmo muitas vezes é uma tarefa desafiadora e força nosso cérebro a trabalhar intensamente. Estudos indicam que o processo de programação estimula o lado esquerdo do cérebro, o qual é encarregado pelo pensamento espacial, lógico e analítico.

Uma pessoa com melhor raciocínio lógico consegue aprender com maior facilidade outras áreas do conhecimento. Já observou que muitas crianças que começam a estudar computação (lógica computacional) desde cedo, aprendem facilmente outros idiomas? O inglês, por exemplo, pode ser mais facilmente dominado, além outras disciplinas como matemática e física.

 

#02 Resolução de problemas – “Problem Solving

O mundo gira em torno de problemas e os profissionais mais procurados pelo mercado são os que conseguem resolver as buchas diárias (nome bonito para bucha = desafio). Programar nada mais é do que resolver um problema a partir do desenvolvimento de um algoritmo (sequência de passos e operações). Aprender a programar torna as pessoas aptas a solucionarem problemas de forma mais eficiente.

 

#03 Flexibilidade profissional

Aprender a programar traz flexibilidade profissional. O mundo é cada vez mais conectado e dependente de tecnologia. Seu emprego atual ou futuro poderá deixar de existir mas se você é conhecedor de tecnologia conseguirá encontrar um novo caminho. Prepare-se, o mundo está mudando e muitas profissões deixaram de existir!

 

#04 Organização Pessoal

Aprender a programar exige disciplina para organizar ideias e impacta diretamente na lógica de como os pensamentos são articulados. Os programadores geralmente conseguem se planejar melhor pois fazem uso de métodos e metodologias de trabalho. Isso os ajuda na organização das atividades do cotidiano.

 

#05 Empreendedorismo e auto confiança

Aprender a programar naturalmente abre a cabeça para novos voos. O Empreendedorismo pode surgir na vida como uma necessidade ou desejo. Atualmente, para abrir uma startup, o conhecimento da tecnologia é importante mesmo para quem não vai programar os sistemas. É interessante os gestores saibam gerenciar os projetos conhecendo os detalhes da operação.  Aprender a programar costuma gerar uma tendência onde sempre há necessidade de buscar novos desafios, deixando as pessoas mais interessadas em tarefas complexas e aumentando sua confiança.

 

E eu acredito tanto nesses motivos listados acima que esse foi um fator determinante para minha viagem de trabalho na Índia! Foi interessante ver alguns jovens aprendendo desde cedo a arte da programação e se desenvolvendo muito mais rapidamente do que outras crianças/adolescentes da mesma faixa etária.

Nós vemos no próximo post!

 

Abraços

Acompanhe e compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *